Fui demitido! E agora?

 

Inicialmente é assustador sermos dispensados depois de alguns anos dedicados a essa ou aquela empresa! A primeira sensação é de luto! Esse sentimento é compreensível, afinal a perda não é só do relacionamento com aquele grupo de trabalho. Há uma ruptura significativa em nossa identidade e perde-se muito mais: autoestima, principalmente! Ganha-se preocupações, incertezas e inseguranças. Portanto, é preciso preparar-se para voltar ao mercado de trabalho e retomar a carreira profissional.

Tomas Arregui, consultor de carreiras, em seu livro “Sucesso na conquista de emprego - entendendo o mundo da procura de trabalho para fazer a coisa certa” (Editora Nelpa), sugere que se faça um inventário profissional: “Você tem que saber quais foram os seus resultados, quais são suas principais competências, que valores você tem, e, dessa maneira, você vai ao mesmo tempo que constrói sua carreira corporativa, construindo sua carreira pessoal, aquela carreira que vai levar você onde você quiser”.

O currículo, que é um modelo de inventário sugerido por Arregui, continua sendo uma importante e necessária ferramenta para sua contratação e  deve conter informações básicas, porém importantes, focadas na sua carreira e principalmente destacar quais os resultados que você gerou desempenhando aquela função.

O perfil no LinkedIn, rede profissional onde todos deveriam manter um perfil personalizado, deve estar sempre atualizado com fotografia profissional, histórico de carreira, palavras "chaves", suas habilidades e "expertises", recomendações, enfim tudo o que sirva para torná-lo localizável por um recrutador que procura alguém com as suas qualificações. 

LinkedIn é uma ferramenta que você vai usar para estar conectado com pessoas de seu relacionamento profissional e para encontrar pessoas que você deseja conhecer, apresentados por aqueles que você já conhece.

É importante lembrar que não se deve aguardar ser demitido para pensar o que vai fazer da sua carreira, pois o planejamento deve ser feito desde a sua graduação, como também seu currículo e perfil profissional devem ser mantidos atualizados independente que você esteja empregado ou não. 

 

Fonte: https://br.linkedin.com/in/miltonjung

 

 

Please reload

Publicações Recentes
Destaque

Os sete erros em uma entrevista de emprego

1/2
Please reload

Publicações 
Please reload

  • Google ícone social Places
  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon